Sete relatórios do Google Analytics essenciais para o Marketing B2B

Entender as métricas do Google Analytics é essencial para gerenciar com inteligência suas campanhas de Ads, conteúdo, potenciais resultados em mídias sociais, entre outros aspectos. Veja sete métricas importantes para analisar:

1. Relatório geográfico

Se você segmentar determinadas regiões ou estiver executando campanhas de publicidade em mercados específicos, o relatório Geográfico do Google Analytics vai ajudar você a analisar como os usuários dessas áreas se comportam no seu website.

Os profissionais de marketing B2B podem usar esses dados para determinar a eficácia da publicidade e identificar os aprimoramentos necessários (específicos para cada região), bem como comparar públicos e segmentar usuários para campanhas de redirecionamento. Você pode até mesmo configurar seus próprios segmentos para separar o tráfego dos locais desejados e analisá-lo ainda mais.

2. Relatório Demográfico e Interesses

O Relatório de informações demográficas e interesses também fornecerá dados importantes que podem ajudar você a entender melhor os visitantes do website e seus comportamentos com base em atributos como idade, sexo, categorias de afinidade e segmentos do mercado. Para acessar esses dados, o Google Analytics exige configurações adicionais no nível da propriedade. Certifique-se de ativar proativamente esses relatórios para aproveitar suas ideias.

Os profissionais de marketing B2B podem usar o Relatório de informações demográficas e interesses para garantir que o conteúdo que está sendo criado atenda às necessidades do prospect potencial. Por exemplo, você pode determinar os atributos dos visitantes que estão fazendo o download de um e-book, registrando-se em um seminário on-line ou solicitando uma avaliação gratuita. Dados demográficos podem ser usados ​​para traçar leads valiosos e identificar novos segmentos de mercado para segmentar.

3. Relatório de Tecnologia

Esta métrica mostra sessões e métricas de engajamento por navegador e sistemas operacionais. Isso pode ser muito útil ao testar páginas geradoras de leads.

Com esse relatório, você pode entender qual navegador é mais popular entre os compradores da sua empresa e como os comportamentos do site variam de acordo com o sistema operacional, e você pode diagnosticar qualquer problema com base na tecnologia específica do usuário.

4. Relatório de Comportamento

O Relatório de comportamento é outro grande recurso do Google Analytics que ajuda os profissionais de marketing a desmistificar os visitantes do site. Ele oferece um relatório Novos usuários que retornam para indicar se você está alcançando novos usuários que ainda não conhecem sua marca ou estão incentivando os visitantes anteriores a retornar.

Ao segmentar esses dados por canal de tráfego, local ou dispositivo, os profissionais de marketing podem entender o desempenho de uma determinada campanha e se ela funciona da maneira esperada, ou seja, atrair novos compradores comerciais ou incentivar os clientes em potencial a retornar.

5. Relatório de Engajamento

Outro excelente relatório é o Relatório de envolvimento, que mostra o número de sessões com base na duração da sessão. Esse pode ser um conjunto de dados muito poderoso quando usado em combinação com segmentos de público. Por exemplo:

# sessões de uma certa duração e uma visita a uma página de lead-gen; e

# sessões de uma certa duração com uma conversão específica de lead-gen.

Esse tipo de dados ajuda os profissionais de marketing B2B a entenderem o nível de envolvimento necessário para gerar um lead.

6. Relatório de Usuários Ativos

Este relatório oferece uma maneira alternativa de entender os visitantes únicos do seu site. Você pode filtrar por usuários ativos por um dia, sete dias, 14 dias e 30 dias. O último dia do período escolhido determinará como os usuários ativos serão informados. Por exemplo, se você filtrar para sete dias, o relatório incluirá usuários que se envolveram ativamente com o site nos últimos sete dias.

Este relatório pode ser muito perspicaz quando usado com segmentos de clientes. Por exemplo, a segmentação por canal mostrará qual canal forneceu o maior número de visitantes únicos ao seu site no período de tempo escolhido. Segmentação por conversão (você pode usar os segmentos avançados predefinidos Conversores / Não-conversores ou qualquer engajamento personalizado / segmentos de conversão que você configurou) mostrará qual porcentagem do seu público está pronto para converter / comprar / envolver-se desde a primeira visita .

Esses dados ajudam os profissionais de marketing a determinar com que velocidade os clientes em potencial provavelmente se engajarão e converterão. A maioria dos profissionais de marketing B2B (especialmente aqueles que oferecem produtos e serviços complexos e de alta consideração) descobrem que são necessários vários dias e várias visitas ao website antes que um possível cliente esteja disposto a se registrar e fornecer informações de contato.

7. Relatório do User Explorer

Este relatório é um excelente recurso para profissionais de marketing, pois ajuda a entender cada usuário do site individualmente. Os insights que você pode obter com esse relatório são infinitos.

O relatório usa o ID do cliente atribuído a cada pessoa que acessa seu website por meio dos cookies do Universal Analytics. O relatório do Explorador de usuários é dividido, passo a passo, em cada ocorrência desse usuário durante a sessão em seu site. Estas incluem as páginas que eles visualizaram; os objetivos e eventos, se houver, que eles completaram; o canal de tráfego de onde vieram; carimbo de data / hora para cada hit e assim por diante.

Além disso, você pode ativar o recurso User ID e atribuir seus próprios IDs de usuário para serem informados, em vez dos IDs de clientes do Google.

A maneira como você usa esse relatório depende de sua empresa exclusiva e de suas campanhas de marketing individuais. Uma sugestão é analisar o comportamento de cada prospecto do website; atribuir uma pontuação relevante a essa perspectiva; e analisar como a pontuação muda ao longo do tempo. Esses dados ajudam os profissionais de marketing B2B a determinar se os clientes em potencial estão envolvidos e se tornando mais valiosos com o tempo. Os profissionais de marketing podem testar vários esforços de engajamento de sites para acelerar o valor (e aumentar a pontuação) de clientes em potencial ao longo do tempo.

Desmistifique seu público

Entender o seu público é o aspecto mais importante de qualquer esforço de marketing digital. O Google Analytics oferece diversas informações para entender os visitantes do website e seus comportamentos, especialmente quando combinados com segmentos avançados personalizados.

Esse tipo de análise é crítico para os profissionais de marketing B2B devido à natureza longa e complexa de muitos ciclos de compra B2B. Libere o poder dos Relatórios de público-alvo do Google Analytics para entender as necessidades dos clientes, criar uma experiência on-line significativa e envolvente e obter uma vantagem competitiva.

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

O Marketing B2B e o Impacto do Coronavírus