LinkedIn para gerar leads: saiba como usá-lo na indústria farmacêutica

Com mais de 2 milhões de pessoas trabalhando na indústria farmacêutica e mais de 20 mil empresas neste mercado, é claro que há muitas oportunidades de geração de leads neste mercado, e uma das ferramentas do marketing B2B que pode fazer a diferença no setor é o LinkedIn, rede social cuja base está estimada em 300 milhões de usuários.

Sabia que só nesta plataforma existem mais de 2,1 milhões de grupos? Além disso, uma pesquisa realizada pelo Hubspot recentemente mostrou que o LinkedIn tem uma das maiores taxas de conversão entre as mídias sociais, de cerca de 2,75%.

Para tirar proveito dessa ferramenta na estratégia de marketing B2B, no entanto, é preciso estar atento a alguns aspectos, como o discurso usado neste canal. O ideal é que seus contatos saibam exatamente quem você é e o que você faz em um piscar de olhos – algo bem semelhante ao que chamamos de “elevator pitch”.

Ou seja, a descrição do seu negócio deve ser sucinta, e sua mensagem de capa deve destacar suas especialidades de forma objetiva. Não adianta tentar ser conceitual e disruptivo se ninguém entender do que se trata o seu negócio, e os leads no LinkedIn não vão querer sair da plataforma e ir até o seu site para entender do que você faz.

Conte com um perfil informativo

Além de trabalhar em uma mensagem que transmita os objetivos do seu negócio de forma simples e compreensível, é fundamental contar com um perfil informativo e completo. Um perfil pouco detalhado pode fazer com que sua audiência não leve seu negócio a sério, especialmente no B2B.

Isso inclui a necessidade de compartilhar no “Sobre” da sua empresa todas as informações públicas sobre o negócio, preenchendo um sumário de dados relevantes e precisos do que você oferece e como pode solucionar a dor do cliente. Aproveite esse espaço para que seu público-alvo saiba como você pode ajudá-lo e por que você é o parceiro ideal.

Ofereça conteúdos consistentes e variados

No LinkedIn se destaca quem consegue criar conteúdos relevantes e de alto valor em seus segmentos. Na indústria farmacêutica não é diferente – este é o canal perfeito para se tornar referência e, para isso, o melhor a fazer é investir na criação de conteúdo de qualidade em diferentes formatos, como artigos, whitepapers, infográficos e vídeos, sempre buscando oferecer informações relevantes para a indústria farmacêutica.

Isso vai aumentar a confiança dos profissionais da indústria farmacêutica no seu negócio. Além disso, conteúdos de alto valor levam leads para o seu site e isso, naturalmente, vai aumentar sua credibilidade e impulsionar sua geração de leads ao próximo nível.

A frequência também é importante. Postar uma ou duas vezes na semana não é o suficiente, especialmente porque os algoritmos das mídias sociais têm restringido cada vez mais a distribuição do conteúdo orgânico entre os seguidores. O ideal é postar todos os dias e, se possível, mais de uma vez.

Faça parte dos grupos relacionados ao seu segmento

Os grupos do LinkedIn são uma ótima oportunidade de interagir regularmente com os usuários. Você pode buscá-los usando palavras-chave com foco no seu negócio na indústria farmacêutica e se conectar com pessoas específicas. Um dos maiores grupos do segmento, o Pharmaceutical and Health Marketing Group, tem 75 mil membros.

A dica, neste caso, é não ser “agressivo” nos conteúdos que promovem o seu negócio, pois isso pode violar leis que regulam o mercado farmacêutico além de aborrecer os usuários, podendo levar ao banimento por spam. Depois de ser aceito no grupo, o ideal é interagir e se engajar nos conteúdos, dando likes, curtidas e compartilhamentos nos tópicos sendo discutidos e publicados. Isso deve chamar a atenção para o seu perfil e, consequentemente, atrair os leads.

Independente da estratégia abordada, é importante ter em mente que, assim como outras plataformas como o Facebook e o próprio Google, os algoritmos do LinkedIn estão cada vez mais atentos ao que configura um conteúdo relevante e ao que o diferencia dos conteúdos puramente comerciais,  que provavelmente vão fazer o usuário apenas rolar o feed para cima sem gerar engajamento. Por isso, para levar seus esforços na geração de leads no LinkedIn ao próximo nível, é fundamental investir em uma estratégia de produção de conteúdo consistente.

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn